Entrevista com o senhor Zero à Esquerda, candidato a prefeito – parte 5 de 5 – publicada no Zeca Quinha Nius

ENTREVISTADOR: Mas a crise econômica, senhor candidato, prejudicará muita gente.
ZERO À ESQUERDA: É óbvio! É uma crise econômica; e crises econômicas prejudicam muitas pessoas, mas não todas as pessoas; as pessoas que não forem prejudicadas pela crise econômica provocada pelo coronavírus, bichinho pequeno, muito pequeno, minúsculo, muito minúsculo, invisível a olho nu, não irão reclamar; reclamarão apenas as prejudicadas; e, saiba, muitas pessoas prejudicadas não se sentirão prejudicadas; então, terei de ouvir quatro tipos de pessoas: as que, sendo prejudicadas, sentem-se prejudicadas; as que, não sendo prejudicadas, sentem-se prejudicadas; as que, não sendo prejudicadas, não se sentem prejudicadas; e as que, sendo prejudicadas, não se sentem prejudicadas. E após ouvi-las, determinarei as políticas que atenderão aos meus interesses políticos.
ENTREVISTADOR: E quantos aos empregos!?
ZERO À ESQUERDA: Que que tem!?
ENTREVISTADOR: Muita gente recorre às agências de emprego e ao departamento municipal de amparo ao trabalhador, e tambêm ao estadual, e ao federal, à procura de emprego. Desempregados em decorrência da epidemia, vivem de benesses estatais, que exigem recursos com os quais os governos estaduais, o governo federal e os governos municipais não contam.
ZERO À ESQUERDA: Entenda, caro entrevistador: os índices de desemprego estão elevados porque as pessoas, à procura de emprego (refiro-me às desempregadas), recorrem às entidades privadas e públicas, e nestas cadastram-se; assim, desenho, para que você entenda, inflam os dados colhidos por tais entidades, que as reúnem num banco de dados, e todos nos alarmamos com a quantidade de pessoas desempregadas, o que nos dá incômoda sensação de insegurança e desesperança, que nos inibe, desanima, constrange e tortura. Diante de tão negativo cenário, gritante em sua crueza, terei de tomar uma, e apenas uma, decisão: proibir as pessoas desempregadas de recorrerem aos órgãos, públicos e privados, de auxílio aos trabalhadores; com tal medida, não teremos como saber quantos são os desempregados; sendo assim, não terei com o que me preocupar; afinal, não havendo estatísticas oficiais acerca dos desempregados, não haverão desempregados. E veio-me à mente uma idéia genial. Decretarei a destruição do banco de dados oficial concernente aos dados econômicos municipais. Sem tais dados, que inexistirão, não existirá crise econômica, e tampouco desemprego, e nem empresas falidas, e menos ainda rombo nas contas públicas. E a crise econômica será apenas um detalhe nos discursos de gente desavisada, de má-fé, de gente que terá apenas um objetivo: prejudicar a minha carreira política. E antes de conceder a você a palavra, digo que já se estendeu demais a entrevista.
ENTREVISTADOR: Vamos, senhor candidato, ao pingue-pongue. Eu digo uma palavra, e o senhor diz o que ela ao senhor inspira.
ZERO À ESQUERDA: Vamos lá.
ENTREVISTADOR: Futebol.
ZERO À ESQUERDA: Gramado verde.
ENTREVISTADOR: Mulher.
ZERO À ESQUERDA: Espinafre.
ENTREVISTADOR: Carro.
ZERO À ESQUERDA: Casca de laranja.
ENTREVISTADOR: Escola.
ZERO À ESQUERDA: Campo de várzea.
ENTREVISTADOR: Robótica.
ZERO À ESQUERDA: Meleca.
ENTREVISTADOR: Farmácia.
ZERO À ESQUERDA: Fumaça.
ENTREVISTADOR: Estátua.
ZERO À ESQUERDA: Tijolo.
ENTREVISTADOR: Obrigado por nos conceder a entrevista.
ZERO À ESQUERDA: Rosbife.
ENTREVISTADOR: Senhor candidato, já encerramos o pingue-pongue. Agradecemos ao senhor a sua disposição para se dedicar integralmente à entrevista durante cujo andar o senhor se dispos a se pôr a nosso dispor.
ZERO À ESQUERDA: Disponha. E que o Zeca Quinha Nius desempenhe, com imparcialidade, o seu papel jornalístico, e não publique matérias que favoreçam os meus concorrentes e me desfavoreçam. Sejam profissionais.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Polifonia Literária

Um espaço voltado para o desenvolvimento criativo de textos literários.

divinoleitao.in

Rede pessoal de Divino Leitão.

Reflexões para os dias finais

Pensamentos, reflexões, observações sobre o mundo e o tempo.

PERSPECTIVA ONLINE

"LA PERSPECTIVA, SI ES REAL, EXIGE LA MULTIPLICIDAD" (JULIÁN MARÍAS)

Pensei e escrevi aqui

— Porque nós somos aleatórias —

On fairy-stories

Fantasia, Faërie e J.R.R. Tolkien

DIÁRIO DE UM LINGUISTA

Um blog sobre língua e outros assuntos

Brasil de Longe

O Brasil visto do exterior

Cultus Deorum Brasil

Tudo sobre o Cultus Deorum Romanorum, a Antiga Religião Tradicional Romana.

Carlos Eduardo Novaes

Crônicas e outras literatices

Coquetel Kuleshov

um site sobre cinema, cinema e, talvez, tv

Leituras do Ano

E o que elas me fazem pensar.

Leonardo Faccioni | Libertas virorum fortium pectora acuit

Arca de considerações epistemológicas e ponderações quotidianas sob o prisma das liberdades tradicionais, em busca de ordem, verdade e justiça.

Admirável Leitura

Ler torna a vida bela

LER É UM VÍCIO

PARA QUEM É VICIADO EM LEITURA

Velho General

História Militar, Geopolítica, Defesa e Segurança

Espiritualidade Ortodoxa

Espiritualidade Ortodoxa

Entre Dois Mundos

Página dedicada ao livro Entre Dois Mundos.

Olhares do Mundo

Este blog publica reportagens produzidas por alunos de Jornalismo da Universidade Mackenzie para a disciplina "Jornalismo e a Política Internacional".

Bios Theoretikos

Rascunho de uma vida intelectual

O Recanto de Richard Foxe

Ciência, esoterismo, religião e história sem dogmas e sem censuras.

.

.

Prosas e Cafés

(...) tudo bem acordar, escovar os dentes, tomar um café e continuar - Caio Fernando Abreu

OLAVO PASCUCCI

O pensamento vivo e pulsante de Olavo Pascucci

Clássicos Traduzidos

Em busca das melhores traduções dos clássicos da literatura

Ensaios e Notas

artes, humanidades e ciências sociais

Minhas traduções poéticas

Site de tradução de poesias e de letras de música

Além do Roteiro

Confira o podcast Além do Roteiro no Spotify!

Farofa Filosófica

Ciências Humanas em debate: conteúdo para descascar abacaxis...

Humanidade em Cena

Reflexões sobre a vida a partir do cinema e do entretenimento em geral

resistenciaantisocialismo

Na luta contra o câncer da civilização!

História e crítica cultural

"Cada momento, vivido à vista de Deus, pode trazer uma decisão inesperada" (Dietrich Bonhoeffer)

Devaneios Irrelevantes

Reflexões desimportantes de mais um na multidão com tempo livre e sensações estranhas

Enlaces Literários

Onde um conto sempre puxa o outro!

Ventilador de Verdades

O ventilador sopra as verdades que você tem medo de sentir.

Dragão Metafísico

Depósito de palavras, pensamentos e poesias.

%d blogueiros gostam disto: