Bozonaro, o malvadão. O vírus tem inteligência artificial. Notas breves.

Em 2020 e 2021 um vírus super-mega-hiper mortal ataca a Terra, e mata milhões de pessoas, em todos os países, menos no Brasil, onde as mortes atribuídas ao vírus foram causadas pelo presidente Bozonaro. E não contente com a mortandade, destruiu o vírus a economia de todos os países, menos a do Brasil, que foi destruída pelo Bozonaro.
*
O vírus, que defende agenda política de esquerda, livrou a cara dos heróis dos esquerdistas, Macron, Fernandez, Trudeau e Merkel. Na França, na Argentina, no Canadá e na Alemanha, ele faz e acontece, e assume as responsabilidades pelos seus atos inconsequentes; já no Brasil – e nos Estados Unidos durante o governo Trump -, ele se faz de joão-sem-braço.
*
O vírus hiper mortal está nas ruas, matando muita gente. Para impedi-lo de matar gente à beça devem as pessoas que executam atividades ditas não-essenciais viverem – se puderem – trancadas em suas casas até a chegada da vacina, poção mágica que dará fim ao vírus. Enquanto isso, as pessoas que executam atividades ditas essenciais podem executá-las livremente, respeitando, obviamente, protocolos sanitários. Ora, se o vírus está nas ruas, então as pessoas que executam atividades ditas essenciais, saídas à rua, foram irresponsáveis, pois, expondo-se ao vírus, arriscaram-se a serem por ele infectadas, e muitas o foram, de fato, e muitas das infectadas, assintomáticas, não vindo a saber que carregavam consigo o vírus, o transmitiram (caso proceda o discurso que ensina que as pessoas assintomáticas transmitem o vírus) para outras pessoas. Podem tais pessoas alegarem que seguiram protocolos sanitários; ora, se seguindo os protocolos sanitários, puderam exercer atividades fora de suas casas, por que as pessoas que exercem as ditas atividades não-essenciais não puderam exercer as suas, desde que também respeitassem os protocolos sanitários, os mesmos que as pessoas que executam as ditas atividades essenciais respeitaram? Será que o vírus só ataca pessoas que executam atividades ditas não-essenciais?
Eu ouvi muita gente – não poucas profissionais das áreas ditas essenciais – condenar as pessoas que, de áreas profissionais ditas não-essenciais foram irresponsáveis ao se recusarem a respeitar a quarentena, retirarem-se de suas casas e irem às ruas. Ora, o vírus ataca as pessoas que, consideradas de profissões ditas não-essenciais, saem às ruas, mas não as que saíram à rua para o exercício de suas atividades ditas essenciais? O vírus sabe distinguir as duas categorias de pessoas, as profissionais de atividades ditas essenciais das profissionais de atividades ditas não-essenciais? Tem o vírus inteligência artificial, com certeza.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Polifonia Literária

Um espaço voltado para o desenvolvimento criativo de textos literários.

divinoleitao.in

Rede pessoal de Divino Leitão.

Reflexões para os dias finais

Pensamentos, reflexões, observações sobre o mundo e o tempo.

PERSPECTIVA ONLINE

"LA PERSPECTIVA, SI ES REAL, EXIGE LA MULTIPLICIDAD" (JULIÁN MARÍAS)

Pensei e escrevi aqui

— Porque nós somos aleatórias —

On fairy-stories

Fantasia, Faërie e J.R.R. Tolkien

DIÁRIO DE UM LINGUISTA

Um blog sobre língua e outros assuntos

Brasil de Longe

O Brasil visto do exterior

Cultus Deorum Brasil

Tudo sobre o Cultus Deorum Romanorum, a Antiga Religião Tradicional Romana.

Carlos Eduardo Novaes

Crônicas e outras literatices

Coquetel Kuleshov

um site sobre cinema, cinema e, talvez, tv

Leituras do Ano

E o que elas me fazem pensar.

Leonardo Faccioni | Libertas virorum fortium pectora acuit

Arca de considerações epistemológicas e ponderações quotidianas sob o prisma das liberdades tradicionais, em busca de ordem, verdade e justiça.

Admirável Leitura

Ler torna a vida bela

LER É UM VÍCIO

PARA QUEM É VICIADO EM LEITURA

Por Yla Meu Blog

Escritora ○ Poetisa ○ Romancista ○ Lírica

Velho General

História Militar, Geopolítica, Defesa e Segurança

Espiritualidade Ortodoxa

Espiritualidade Ortodoxa

Entre Dois Mundos

Página dedicada ao livro Entre Dois Mundos.

Olhares do Mundo

Este blog publica reportagens produzidas por alunos de Jornalismo da Universidade Mackenzie para a disciplina "Jornalismo e a Política Internacional".

Bios Theoretikos

Rascunho de uma vida intelectual

O Recanto de Richard Foxe

Ciência, esoterismo, religião e história sem dogmas e sem censuras.

.

.

Prosas e Cafés

(...) tudo bem acordar, escovar os dentes, tomar um café e continuar - Caio Fernando Abreu

OLAVO PASCUCCI

O pensamento vivo e pulsante de Olavo Pascucci

Clássicos Traduzidos

Em busca das melhores traduções dos clássicos da literatura

Ensaios e Notas

artes, humanidades e ciências sociais

Minhas traduções poéticas

Site de tradução de poesias e de letras de música

Além do Roteiro

Confira o podcast Além do Roteiro no Spotify!

Farofa Filosófica

Ciências Humanas em debate: conteúdo para descascar abacaxis...

Humanidade em Cena

Reflexões sobre a vida a partir do cinema e do entretenimento em geral

resistenciaantisocialismo

Na luta contra o câncer da civilização!

História e crítica cultural

"Cada momento, vivido à vista de Deus, pode trazer uma decisão inesperada" (Dietrich Bonhoeffer)

Devaneios Irrelevantes

Reflexões desimportantes de mais um na multidão com tempo livre e sensações estranhas

Enlaces Literários

Onde um conto sempre puxa o outro!

Ventilador de Verdades

O ventilador sopra as verdades que você tem medo de sentir.

%d blogueiros gostam disto: