Pensamento Nacional-Socialista de [Opressão] Direitos [Desumanos] Humanos. Lei da Palmada

Nota: Os trechos entre colchetes estão rasurados no manuscrito.
Em defesa da Lei da Palmada, a minha contribuição:

Agredir crianças é um atentado contra a humanidade. Nas burguesias capitalistas ocidentais e nas neoliberais e [humanitárias] desumanas sociedades judaicas e cristãs, o pai [no uso de sua legítima autoridade natural], defensor intransigente do pátrio poder, e a mãe, defensora histérica do mátrio poder, não admitem, que o Estado lhes [usurpem a autoridade natural] [oprimam] eduquem os filhos, usando, para tanto, de [técnicas abusivas] métodos pedagógicos de vanguarda, [convertendo-os em agentes revolucionários fiéis ao Partido e voltando-os contra seus pais], aprimorando-lhes os talentos. Os [espiões cubanos] agentes especiais [infiltrados] que trabalham no ocidente registraram cenas grotescas das torpezas das famílias pequeno-burguesas e das pequenas famílias burguesas capitalistas ocidentais, de pais e mães a agredirem crianças indefesas com bastões de baseball, cabos de vassoura, cabos de rodo, chinelos, mangueiras, e, pasmem, camaradas, com as palmas das mãos, a lhes ferirem as nádegas [angelicais] infantis. [Estamos cientes de que casos de violência familiar corresponde à ínfima parcela das famílias ocidentais; todavia, destacamos os casos existentes, e, com apoio da grande imprensa, que é-nos aliada, damo-los como retrato fidedigno da cultura pequeno-burguesa capitalista ocidental de inspiração cristã]. No nosso país, que, almejamos, se converterá [num paraíso] numa civilização comunista socialista [humanicida] humanitária, educaremos as crianças, sem agredi-las, [usando-as] como instrumento da destruição da sociedade burguesa. Explico-me: Assim que um pai burguês (ou mãe burguesa) empunhar um cabo de vassoura (instrumento bélico encontrado em todos os lares burgueses), acionaremos os nossos agentes (O.N.G.S., C.N.B.B., O.N.U., G.R.E.E.N.P.E.A.C.E., etc.), que pressionarão o Estado para adicionar, nas leis do desarmamento, a obrigatoriedade do direito de entregar tais apetrechos bélicos às autoridades. Não podemos, no laborioso trabalho de ereção do edifício comunista, admitir a posse, pelos cidadãos burgueses, de armas tão letais. Letais, sim! O pai (ou a mãe), punhos cerrados, fúria nos olhos, desfere, com o cabo de vassoura, no lombo, na cabeça, do pequenino e indefeso filho (ou filha) pancadas violentíssimas. A agressão é desmesuradamente violenta e injustificada. Na técnica comunista-socialista de educação, por mim concebido com a minha legítima cabeça [de mentalidade totalitária] [opressora] stalinista e maoísta, conjugo a educação das crianças com a demolição da sociedade pequeno burguesa, abrindo espaço para o avanço da civilização comunista [genocida] por nós sonhada desde Karl Marx. Acompanhem a lógica de tal método pedagógico [nefasto, desumano] inspirado pelos luminares do socialismo e do comunismo: O meu inédito, singular (inusitado, diriam os burgueses capitalistas ocidentais, indivíduos desprovidos de lógica progressista) método, pode ser resumido em poucas palavras, pois, como todo aplicado estudioso do socialismo científico e das obras de Noam Chomsky e Paulo Freire, conheço o significado exato das palavras. (Sabemos que, na semântica esquiva dos burgueses capitalista, guerra é guerra, paz é paz, escravidão é escravidão, liberdade é liberdade. Nada mais falso. Nosso mentor, Orwel, com o seu diptíco, construiu a verdadeira obra comunista [totalitária e liberticida] libertária e coletiva de respeito aos humanos). No seu desejo, vão, os burgueses, para desmerecer nosso [liberticida] trabalho humanista, aventam as críticas mais [sensatas] absurdas. Não nos surpreendem, pois, não ignoramos, é o desejo deles, inconfessado, exibir elegância intelectual e erudição filosófica e política, unicamente. Os intelectuais comunistas [alimentam o desejo de exterminar todos os dissidentes] [de eliminar todos os que não se lhes são servis], dotado de senso crítico irrivalizado e os burgueses, destituídos de cultura revolucionária marxista, jamais apreenderão tal pendor analítico, detectam, e avaliam, o pensamento ignóbil subjacente à elegância do linguajar burguês capitalista, ocidental, judaico-cristão, escancarando, deles, a iniqüidade inata.

Provido, portanto, de pendores socialistas, escrevo, sem mais tardar, convicto da veracidade da ideologia [liberticida] libertária marxista.

Um pai (ou mãe) utiliza um instrumento, o cabo de vassoura, para punir o filho transgressor.

Destaque-se: o agressor: o pai; o instrumento de agressão: o cabo de vassoura; a vítima: o filho.

O meu método, simples na aplicação, mas complexo na sua elaboração, e rico no seu teor filosófico socialista e progressista, que raros indivíduos, privilegiados (os formados nas escolas marxistas de pensamento) apreenderão em sua totalidade, consiste em: O pai (educador) agarrar o filho, ou pela cabeça, ou pelos pés, caso ele transgrida as leis socialistas, demonstrando voluntariamente – e sempre é voluntária – e conscientemente – e sempre é consciente – desprezo pela verdade socialista universal, e o brandir como um cabo de vassoura, contra um burguês capitalista. Assim, para citar um ditado popular, ele mata duas cobras com uma cajadada. O raciocínio: A criança transgressora, brandida como um bastão, é o instrumento de educação de um burguês capitalista ferrenho e intransigente defensor da cultura capitalista opressora; o pai é o agente da educação do oprimido: a criança, influenciada pelas propagandas de empresas de bolachas e desenhos animados; o burguês é o educando insurgente hostil ao socialismo [liberticida] libertário e refratário à [mentira] verdade do realismo marxista científico de inspiração [humanicida] humanitária. Não é difícil perceber: na [educação] opressão capitalista burguesa, o pai é um [educador] agressor, o cabo de vassoura, o instrumento da opressão, e o filho, a vítima indefesa, que nasceu pura, livre de pensamentos pequeno-burgueses, capitalistas, ocidentais e judaico-cristãos, os quais ele introjetou durante a convivência com indivíduos conservadores ultra-direitistas, num ambiente poluído por ideologia [humanitária] humanicida, [libertária] liberticida, de [livre-comércio] servilidade ao capitalismo, [liberdade] de opressão religiosa, [liberdade] de censura de imprensa. No meu método pedagógico, o pai é o educador; a criança, simultaneamente instrumento de educação de si mesma e de um terceiro envolvido no processo; e o burguês capitalista, o educando. Aqui está, em rápidas pinceladas, o sistema educacional de promoção do progresso socialista para a ereção de sociedade [totalitária] libertária.

Um adendo: A Lei da Palmada e a Lei Nacional-Socialista de [Opressão] Direitos [Desumanos] Humanos são imprescindíveis à ereção, na Terra, da [opressão] libertação dos povos.

Encerro, aqui, esta missiva cujo teor surpreenderá até mesmo o mais aplicado estudioso da ideologia comunista. Um abraço, em apoio à ereção da construção do edifício [liberticida] libertário em prol da [desumanidade] humanidade dos humanos, que merecem a [prisão] liberdade num Gulag progressista de inspiração soviética e stalinista.

Avante, camaradas!De Leninevitch Stalininski.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Polifonia Literária

Um espaço voltado para o desenvolvimento criativo de textos literários.

divinoleitao.in

Rede pessoal de Divino Leitão.

Reflexões para os dias finais

Pensamentos, reflexões, observações sobre o mundo e o tempo.

PERSPECTIVA ONLINE

"LA PERSPECTIVA, SI ES REAL, EXIGE LA MULTIPLICIDAD" (JULIÁN MARÍAS)

Pensei e escrevi aqui

— Porque nós somos aleatórias —

On fairy-stories

Fantasia, Faërie e J.R.R. Tolkien

DIÁRIO DE UM LINGUISTA

Um blog sobre língua e outros assuntos

Brasil de Longe

O Brasil visto do exterior

Cultus Deorum Brasil

Tudo sobre o Cultus Deorum Romanorum, a Antiga Religião Tradicional Romana.

Carlos Eduardo Novaes

Crônicas e outras literatices

Coquetel Kuleshov

um site sobre cinema, cinema e, talvez, tv

Leituras do Ano

E o que elas me fazem pensar.

Leonardo Faccioni | Libertas virorum fortium pectora acuit

Arca de considerações epistemológicas e ponderações quotidianas sob o prisma das liberdades tradicionais, em busca de ordem, verdade e justiça.

Admirável Leitura

Ler torna a vida bela

LER É UM VÍCIO

PARA QUEM É VICIADO EM LEITURA

Velho General

História Militar, Geopolítica, Defesa e Segurança

Espiritualidade Ortodoxa

Espiritualidade Ortodoxa

Entre Dois Mundos

Página dedicada ao livro Entre Dois Mundos.

Olhares do Mundo

Este blog publica reportagens produzidas por alunos de Jornalismo da Universidade Mackenzie para a disciplina "Jornalismo e a Política Internacional".

Bios Theoretikos

Rascunho de uma vida intelectual

O Recanto de Richard Foxe

Ciência, esoterismo, religião e história sem dogmas e sem censuras.

.

.

Prosas e Cafés

(...) tudo bem acordar, escovar os dentes, tomar um café e continuar - Caio Fernando Abreu

OLAVO PASCUCCI

O pensamento vivo e pulsante de Olavo Pascucci

Clássicos Traduzidos

Em busca das melhores traduções dos clássicos da literatura

Ensaios e Notas

artes, humanidades e ciências sociais

Minhas traduções poéticas

Site de tradução de poesias e de letras de música

Além do Roteiro

Confira o podcast Além do Roteiro no Spotify!

Farofa Filosófica

Ciências Humanas em debate: conteúdo para descascar abacaxis...

Humanidade em Cena

Reflexões sobre a vida a partir do cinema e do entretenimento em geral

resistenciaantisocialismo

Na luta contra o câncer da civilização!

História e crítica cultural

"Cada momento, vivido à vista de Deus, pode trazer uma decisão inesperada" (Dietrich Bonhoeffer)

Devaneios Irrelevantes

Reflexões desimportantes de mais um na multidão com tempo livre e sensações estranhas

Enlaces Literários

Onde um conto sempre puxa o outro!

Ventilador de Verdades

O ventilador sopra as verdades que você tem medo de sentir.

Dragão Metafísico

Depósito de palavras, pensamentos e poesias.

%d blogueiros gostam disto: