Não Se Pode Desprezar o Que Não Merece Desprezo – escrito por Zeca Quinha – publicado no Zeca Quinha Nius

Tendo-se em vista as recentes manifestações de parlamentares conservadores contra os gastos públicos – e os parlamentares conservadores destilam veneno letal à democracia e ao estado democrático de direito -, os intelectuais das universidades brasileiras acharam por bem apresentarem um abaixo-assinado clamando pela valorização do corpo burocrático do funcionalismo público, há séculos explorados por capitalistas, como nos ensinam os intelectuais Karl Marx e Friedrich Engels, e os estudiosos da Escola de Frankfurt, incluídos os professores universitários, todos eles estarrecidos com a desfaçatez e sem-cerimônia com que os parlamentares conservadores, insensíveis ao bem-estar dos cidadãos brasileiros, desprezíveis todos eles, defenderam, de viva voz, sem recear represálias, práticas que não são onerosas aos cofres públicos. Os intelectuais, audazes, com o abaixo-assinado, arrostaram os defensores de maléficos valores que conduziriam, se adotados, o Brasil à bancarrota, como os seus congêneres estadunidenses e israelenses à bancarrota conduziram os seus respectivos países. Não entendem – melhor, não querem entender – os parlamentares conservadores – a serviço, todos eles, não desconhecemos, de agências de espionagens estadunidenses -, cujos ideais são inspirados nas teorias da conspiração de um injustamente renomado astrólogo embusteiro, que, após fugir do Brasil, instalou-se na nação que representa todos os valores que denigrem a humanidade, que as idéias que apresentaram reduzirão o desperdício de dinheiro público, redundando, portanto, em políticas que produzirão sofrimento e miséria. Eles almejam o pior para o Brasil, pois para eles o pior (pior para os brasileiros, obviamente) é o melhor (melhor para os parlamentares conservadores, não nos esqueçamos). Os intelectuais brasileiros explicitam, no abaixo-assinado, o descontentamento da categoria no que concerne à proposta dos parlamentares conservadores, todos anti-patriotas, que declararam que os funcionários públicos gozam de privilégios, que, salientaram, oneram os cofres públicos. Ora, sabemos que os funcionários públicos têm privilégios porque os merecem; são bem-remunerados porque o governo brasileiro, nas três esferas do poder, a municipal, a estadual e a federal, os remunera bem; do contrário, bem não os remunerariam, e eles de privilégios não gozariam. A obviedade do raciocínio é patente. E apenas indivíduos que odeiam a liberdade e a democracia simulam ignorância a respeito da estrutura do poder governamental. E temos de destacar um ponto, e, além de destacá-lo, sublinhá-lo e salientá-lo: sendo o povo incapaz de administrar a própria riqueza, os funcionários públicos têm de administrá-la. Salta aos olhos tal obviedade! Negam-se a vê-la aqueles que lucram com a eliminação, ou, como dizem, a redução do funcionalismo público, que, ninguém o ignora, conserva milhões de pessoas empregadas e bem-remuneradas.Que a voz dos sábios intelectuais brasileiros prevaleça; que a proposta dos parlamentares conservadores, nefasta para o Brasil, seja arquivada; que os defensores da política apresentada pelos parlamentares conservadores caíam no ostracismo; que a categoria do funcionalismo público atente para as ameaças que a cercam; que a imprensa abandone a letargia em que se encontra; que os artistas manifestem-se e impeçam que a censura retome o seu poder; que o povo brasileiro arregace as mangas e quebre a espinha dorsal dos autointitulados defensores do Brasil, que são – sabemos, nós, os esclarecidos – da Pátria inimigos. Que a Pátria Maior não se curve diante deles.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Polifonia Literária

Um espaço voltado para o desenvolvimento criativo de textos literários.

divinoleitao.in

Rede pessoal de Divino Leitão.

Reflexões para os dias finais

Pensamentos, reflexões, observações sobre o mundo e o tempo.

PERSPECTIVA ONLINE

"LA PERSPECTIVA, SI ES REAL, EXIGE LA MULTIPLICIDAD" (JULIÁN MARÍAS)

Pensei e escrevi aqui

— Porque nós somos aleatórias —

On fairy-stories

Fantasia, Faërie e J.R.R. Tolkien

DIÁRIO DE UM LINGUISTA

Um blog sobre língua e outros assuntos

Brasil de Longe

O Brasil visto do exterior

Cultus Deorum Brasil

Tudo sobre o Cultus Deorum Romanorum, a Antiga Religião Tradicional Romana.

Carlos Eduardo Novaes

Crônicas e outras literatices

Coquetel Kuleshov

um site sobre cinema, cinema e, talvez, tv

Leituras do Ano

E o que elas me fazem pensar.

Leonardo Faccioni | Libertas virorum fortium pectora acuit

Arca de considerações epistemológicas e ponderações quotidianas sob o prisma das liberdades tradicionais, em busca de ordem, verdade e justiça.

Admirável Leitura

Ler torna a vida bela

LER É UM VÍCIO

PARA QUEM É VICIADO EM LEITURA

Velho General

História Militar, Geopolítica, Defesa e Segurança

Espiritualidade Ortodoxa

Espiritualidade Ortodoxa

Entre Dois Mundos

Página dedicada ao livro Entre Dois Mundos.

Olhares do Mundo

Este blog publica reportagens produzidas por alunos de Jornalismo da Universidade Mackenzie para a disciplina "Jornalismo e a Política Internacional".

Bios Theoretikos

Rascunho de uma vida intelectual

O Recanto de Richard Foxe

Ciência, esoterismo, religião e história sem dogmas e sem censuras.

.

.

Prosas e Cafés

(...) tudo bem acordar, escovar os dentes, tomar um café e continuar - Caio Fernando Abreu

OLAVO PASCUCCI

O pensamento vivo e pulsante de Olavo Pascucci

Clássicos Traduzidos

Em busca das melhores traduções dos clássicos da literatura

Ensaios e Notas

artes, humanidades e ciências sociais

Minhas traduções poéticas

Site de tradução de poesias e de letras de música

Além do Roteiro

Confira o podcast Além do Roteiro no Spotify!

Farofa Filosófica

Ciências Humanas em debate: conteúdo para descascar abacaxis...

Humanidade em Cena

Reflexões sobre a vida a partir do cinema e do entretenimento em geral

resistenciaantisocialismo

Na luta contra o câncer da civilização!

História e crítica cultural

"Cada momento, vivido à vista de Deus, pode trazer uma decisão inesperada" (Dietrich Bonhoeffer)

Devaneios Irrelevantes

Reflexões desimportantes de mais um na multidão com tempo livre e sensações estranhas

Enlaces Literários

Onde um conto sempre puxa o outro!

Ventilador de Verdades

O ventilador sopra as verdades que você tem medo de sentir.

Dragão Metafísico

Depósito de palavras, pensamentos e poesias.

%d blogueiros gostam disto: